Receber newsletter >

Destaques

Insónia

 
São variados os fatores que podem estar na origem do distúrbio do sono, cada vez mais frequente nos adultos e nas crianças. Fatores extrínsecos, ruídos, luz intensa e desconforto. Fatores intrínsecos, desencadeados por rutura interna associada ao sono, como a apneia obstrutiva, movimentos periódicos das extremidades, narcolepsia, alteração do ritmo cardíaco e outros.
A Insónia pode apresentar-se como um problema transitório, desencadeado por situações passageiras ou crónicas.
 
Estudos têm mostrado que horas insuficientes de sono podem causar diminuição drástica da capacidade do indivíduo para desempenhar as tarefas mais simples. Causa irritabilidade, falta de concentração, inércia e indiferença, o indivíduo está menos alerta e menos atento.
Dormir é essencial para o bem-estar físico e emocional do indivíduo. Está também associado aos processos de restauração do sistema imunitário e dormir mal, pode contribuir para um agravamento de um estado patológico.
A homeopatia é uma ajuda preciosa para vencer a insónia

São vantagens do seu uso:
·          Poder ser administrada a qualquer pessoa - adultos, crianças e idosos;
·         Funcionar como um bom coadjuvante da medicina alopática- pode ser tomada conjuntamente com os fármacos convencionais;
·         A fácil administração e boa recetividade do sistema digestivo;
·         A aquisição de manipulados homeopáticos ser na generalidade muito económica.
Para sua curiosidade, damos a conhecer alguns remédios homeopáticos para a cura da Insónia. Aconselhamos a que não tome a medicação homeopática, sem ter uma prévia consulta da especialidade. A Homeopatia não trata só o sintoma, trata o indivíduo no seu todo e o Profissional de Saúde tem um papel fundamental nesse processo. 

 
 
ARGENTIUM NITRICUM - Insónia por ansiedade, (antecipação dos acontecimentos).
 
ARSENICUM ALBUM - Insónia depois da meia-noite (1h às 3h), horário de agravamento. Ansiedade, agitação, medo de morrer e desejar companhia.
 
CHAMOMILA - Pessoa sonolenta, que não consegue dormir. Insónia por dor à qual é hipersensível ou dor do bebé por erupção dentária.
 
COFFEA CRUDA - Insónia antes ou após a meia-noite; insónia ligada à excitabilidade mental com afluxo de pensamentos. Hipersensibilidade sensorial e sensitiva (audição, olfato, paladar). Insónia por surpresas agradáveis ou aguardando acontecimentos agradáveis.
 
IGNATIA - Insónia depois de mágoas, contrariedades e penas. Insónia com tristeza e choros. Paradoxalmente consegue dormir no meio do barulho.
 
NUX VOMICA - Insónia depois da meia-noite com excesso de pensamentos. Insónia por abuso de álcool, excessos alimentar ou esforços mentais. Acorda às 3 horas e não adormece mais até de manhã quando tem de se levantar. Durante o dia apresenta irritabilidade e cólera; sente sonolência após o almoço, chegando a dormir sentado. Um sono breve (meia hora) depois do almoço é-lhe muito útil.
 
LACHESIS - Insónia da menopausa. Insónia por ter sido acordada. Encontra-se sempre pior depois de ter dormido.
 
PULSATILA - Insónia antes da meia-noite até às 2 h. Insónia apesar da sonolência. Insónia por grande afluência de pensamentos 

Meditar

 
Meditar
Meditar é uma boa prática que estimula o sistema imunológico, alivia a dor crônica, a insônia, a ansiedade, o stress, isto é, ajuda-o a viver melhor e a prolongar a sua vida. 
O objetivo da maioria das práticas de meditação é levar as pessoas a focar-se numa só coisa de cada vez, aprofundando a consciência do momento presente. Hoje propomos que experimente os efeitos de uma marcha consciente. Já sentiu, certamente a necessidade de caminhar, depois de uma situação de nervosismo. Experiente, agora fazê-lo dirigindo a sua atenção para o movimento dos seus pés coordenando-o com a sua respiração. 
Quando se sentir inquieto ou agitado, uma prática física, como andar a pé é uma ótima maneira de acalmar a mente e encontrar-se com o seu corpo. 
Retardar a marcha, com a intenção de trazer à consciência partes básicas da movimentação do pés dá-nos mais consciência da vida diária. Quando quebramos o automatismo do movimento, percebemos como cada ação é um conjunto de sub-acções, e como o corpo e a mente trabalham juntos para criar o movimento.  Não é caminhar como fossemos apanhar um  transporte, é uma ferramenta para desenvolver plena atenção do momento presente, que chamamos  Meditar. 
Prática da Meditação Caminhando 

Para começar, tente caminhar cerca de 15 etapas em duas direções, cerca de pelo menos dez minutos, no total.   

1. Procure encontrar um lugar plano, num espaço interior ou exterior, que lhe seja agradável, com pelo menos 20 metros livres para se movimentar. 
 
2. Fique numa posição relaxada com os pés paralelos, ombros e braços soltos. Dirija os olhos suavemente olhando diretamente para os pés. 
 
3. Inspire enquanto levanta o seu calcanhar direito, faça uma pausa e expire e deixe os dedos dos pés a descansar sobre o solo. 
 
4. Inspire novamente e lentamente levante o pé direito. Coloque, o calcanhar do pé direito no chão enquanto expira e assente suavemente a totalidade do pé, transferindo o seu peso de forma equilibrada entre os dois pés.  Faça uma pausa para uma respiração completa.
 
5. Repita essa sequência inteira, agora, com o pé esquerdo, novamente combinando cada movimento com uma inspiração e expiração.
 
6.Alterne de pé, concluindo 15 passadas com cada pé. O objetivo é manter a mente totalmente focada nas sensações corporais.
 
7. Quando tiver concluído as passadas numa direção, parado com os pés paralelos efetue uma pausa para algumas respirações completas. Em seguida, vire lentamente o corpo, usando o mesmo padrão de movimento combinando para o outro pé. Não esqueça que cada movimento deve ser seguido de  uma inspiração ou expiração. 
 

Dia da Mãe

 
Mime a sua Mãe, ofereça-lhe  uma experiencia Saudável com um Voucher de:
- Massagem de Reflexologia
- Massagem Ayurvédica
- Massagem Shiatsu
- Yoga/Chi Kung (aula individual)
- Reiki

Shiatsu- Benefícios para a sua saúde

Experimente esta terapia, Sexta 12 Abril ás 18h, sessão informativa (entrada livre) , com Bernhard Kumminger

Shiatsu tem como objectivo restaurar o funcionamento orgânico, e não a de tratar apenas sintomas.
Através do Shiatsu-Zen equilibra-se o sistema energético do corpo, e cria-se uma sensação de energia e bem-estar, "enfraquecendo" os sintomas presentes. Ao percorrer os meridianos o terapeuta descobre pontos e zonas com maior ou menor sensibilidade. Atráves de técnicas de estimulação e sedação, os bloqueios existentes e que as vezes se revelam como dor no dia a dia, são equilibrados e a energia flui livremente. Através de técnicas de estiramentos e alongamentos suaves, o Shiatsu devolve à estrutura óssea e muscular os espaços perdidos e promove uma abertura gradual que ajuda a libertar tensões e toxinas acumuladas, principalmente nas articulações.

O relaxamento,o tratamento específico dos meridianos e os alongamentos distinguem o Shiatsu–Zen das massagens convencionais desportivas e de relaxamento.

Chi Kung - Inscrições abertas

Venha experimentar uma aula (gratuita)

Segundas às 20h

Chi Kung é um ramo da medicina tradicional chinesa, usado para promover a saúde e longevidade.
Propicia o relaxamento do corpo e da mente, o aumento da concentração e da criatividade.

Pages